Livros Recomendos

1) O poder do Hábito

O livro O poder do hábito escrito pelo repórter do New York Times Charles Duhigg, que há duas décadas pesquisou como os hábitos funcionam – e, mais importante, como podem ser transformados, elabora um argumento animador:

A chave para mudar o que não funciona em sua vida é entender como os hábitos funcionam.

Transformá-los pode gerar bilhões e significar a diferença entre fracasso e sucesso, vida e morte.

Em um dos diversos exemplos citados pelo autor, um diz respeito a ele próprio. Charles Duhigg explica como conseguiu parar com o hábito de consumir cookies no meio do dia de trabalho ao compreender realmente o que o levava diariamente a uma cafeteria para comê-los.

Chegou à conclusão que as visitas diárias ao estabelecimento ocorriam por necessidade de socialização.

O autor refez o hábito levantando em um horário determinado para conversar com a alguém durante alguns minutos. A prática é um dos segredos para a mudança:

2) Trabalhe 4 Horas Por Semana

Confesso que comprei esse livro não só pela capa, mas pelo conteúdo que muito me instigou a saber o verdadeiro pulo do gato do autor.
E também quero confessar que quase até a metade da leitura do texto encontrei-me longe do perfil de pessoa capaz de tal feito conforme proposto pelo Tim.

Não conseguia me ver entendendo como seria possível realizar certas dicas, e algumas, é claro, achei básicas, ainda que não as utilizasse. Só após a metade do livro é que eu comecei a me encontrar.

Afirmo isso como forma de comprovar que a mentalidade de empregado e a vivência como trabalhador de mais de 40 horas por semana é algo completamente enraizado em minha cultura pessoal.

Quero voltar a ler o livro para ver como me saio na próxima vez. Penso em adotar seus princípios, dicas, regras e conceitos, inclusive criando algum produto que me seja como um veículo para uma liberdade conforme descrito pelo autor.
Quero afirmar com todas as letras que eu “acredito” ser possível realizar tal feito conforme descrito no livro. Daí a conseguir já são outros quinhentos (livros?).

3) Pense e Fique Rico

Este livro foi escrito a partir de uma pesquisa analisando mais de 25 mil pessoas de sucesso dos Estados Unidos.

Essa ideia nasceu de Andrew Carnegie. Ele sugeriu que Napoleon fizesse essa pesquisa, porém, 25 anos mais tarde (quando a pesquisa estava concluída) ele já havia falecido.

O autor destaca 13 passos importantes para alcançar a riqueza e discursa sobre cada um deles.

O primeiro capítulo é a introdução. Nele Napoleon Hill conta várias histórias de pessoas que tinham um desejo ardente e foram atrás de seus objetivos.

Aliás, esse é o ponto de partida, para alcançar o sucesso – o desejo.

Uma dessas histórias é de um homem que não tinha influência alguma, nem dinheiro, mas queria ser sócio de Thomas Edison, o seu nome era Edwin Barnes.

Ele não olhou para os obstáculos, não se diminuiu em meio as circunstâncias.

Apesar de Thomas Edison não o conhecer ainda, e suas condições financeiras não está na melhor fase, ele decidiu que seria sócio do grande inventor e foi isso que fez